• Pesquisar:

Menu superior



Vias Seguras / Os acidentes / Estatísticas / Estatísticas estaduais / Estatísticas de acidentes no Paraná


Menu à esquerda



Estatísticas de acidentes no Paraná

Fontes: DETRAN, DATASUS, DPRF.

(Atualizado em 13/11/2017)

Dados gerais

População: 10,8 milhões de habitantes em 2010, 11,2 em 2015. Frota de veículos: 5,16 milhões em 2010, 7,14 em 2016. Superfície: 199.000 km2

Avaliação do número de mortos no trânsito:

DETRAN, ano 2011: 1.907 mortos (no local do acidente). 2.960 em 2012, 2.618 em 2013, 2.628 em 2014, 1.657 em 2015.

Ministério da Saúde (DATASUS), óbitos ocorridos no Estado: 3.629 em 2012, 3.161 em 2013, 3.067 em 2014, 2.670 em 2015.

DPRF, mortos nas rodovias federais do Estado: 715 em 2010, 725 em 2011, 838 em 2012.

Estatísticas disponíveis

O Detran publica anuários estatísticos detalhados, disponíveis a partir de 2005, incluindo,entre outros dados

  • os números de acidentes, de mortos e de feridos, nas redes municipais, estadual e federal
  • as repartições por categoria das vítimas e dos veículos envolvidos em acidentes,

 O Ministério da Saúde fornece também, através da base de dados DATASUS, os números de mortos em acidentes e a sua repartição por categoria de usuários.

Comparação das estatísticas Detran e Datasus

PR VF 2 fontes 2003a2015 Fev17

 As estatísticas do DETRAN são sempre inferiores às do Ministério da Saúde mas a proporção entre as duas ficou relativamente estável até 2011. Neste período, o número do Detran se manteve entre 51% e 60% do número do Ministério. Isto se deve ao fato que o Detran registrava somente como mortes os óbitos ocorridos no local do acidente. Outra estatística do Ministério da Saúde mostra que a proporção de vítimas fatais que falecem na via pública, isto é, no local do acidente ou a caminho do hospital, é somente da ordem de 50 a 55%. Pode se concluir disto que essas duas estatísticas do Detran e do Datasus são coerentes.

Tal coerência é extremamente importante, pois fortalece a credibilidade das duas fontes

Tendo em vista as características dessas duas fontes, recomenda-se considerar

  • os dados do Ministério da Saúde para o número total de vítimas fatais e o cálculo do índice de mortos em relação à população
  • os dados do Detran para o número total de vítimas (mortos e feridos) e para as proporções das várias categorias de usuários e de veículos envolvidos em acidentes.

Acidentes de trânsito e vítimas (mortos e feridos) de 2003 a 2015

PR AT e vit 2003a2015 Fev17

Índices (evolução de 2002 a 2010)

PR 2 indices Junho 2013

A taxa de motorização aumenta sistematicamente cada ano, passando de 28 a 49 veículos por 100 habitantes entre 2002 e 2010. 

Tendência à estabilidade do índice de mortos, em torno de 30 mortos por 100.000 habitantes.

O gráfico abaixo permite comparar a evolução dos níveis de motorização e de mortalidade no Estado, na Região Sul da qual faz parte, e no Brasil inteiro, entre 2002 e 2010.

PR 3 indices Junho 2013

Cada curva passa sucessivamente, da esquerda para a direita, por nove pontos representando a situação nos nove anos do período 2002-2010, nesta ordem. As coordenadas de cada ponto são a taxa de motorização e o índice de mortos no Estado, na Região, ou no Brasil no ano correspondente. É possível, então, comparar o progresso da motorização e as suas consequências no estado, na região e no país.

A taxa de motorização do Paraná evolui exatamente como aquela da região Sul e é muito maior que a média do Brasil: 50 veículos por habitante em 2010 em vez de 34 na média do Brasil.

Em termos de mortalidade, o Estado é mais perigoso que a região e muito mais que o Brasil : 34 mortos por 100.000 habitantes no Estado em 2010, em vez de 23 em média no Brasil. 

Acidentes nas rodovias federais do Paraná

Evolução dos acidentes nas rodovias federais do Paraná de 2007 a 2016, localização dos acidentes e análise de segmentos críticos nas rodovias BR 116-PR e 277-PR.

VF BR PR 2007a2016

Acidentes no Paraná: estatísticas do DETRAN

(Revisado em 14/02/2017) 

Anuários estatísticos, de 2005 a 2015 e seleção de dados.

Acidentes no Paraná: estatísticas do Ministério da Saúde

Mortos em acidentes de trânsito, de 2002 a 2015

Local de óbito

Vítimas hospitalizadas de 2002 a 2007

Vítimas hospitalizadas de   2008 a 2012

Paraná, comparação das estatísticas do DETRAN e do Ministério da Saúde

As duas estatísticas são coerentes, apesar de uma grande diferência aparente.

palavras-chave: estatística; acidente; trânsito; Paraná; PR